terça-feira, 16 de julho de 2013

Eu

Eu não to feliz.
Me sinto sozinha. 
Ta mais difícil que nunca. Mas não vou ficar lamentando ou chorando. É nesses momentos que eu vejo quem se importa. Amigas, virtuais ou reais, legal. Me dão folego pra andar mais um pouco. Amores... São ilusão. Ando cansada, decepcionada, exausta mesmo. Cansei de quases, meios, talvez... Não sei quanto tempo ainda tenho, posso viver 10 meses ou 10 anos... Só o que sei é que to sendo forte demais por tempo demais. Não quero palavras de consolo. Só queria desabafar. Não tenho síndrome de Nicole pra me iludir pelo tempo que me resta. Não aceito mais metades, nem meios termos. Prefiro a realidade do que ilusão.

Não sou de estabelecer metas, até porque sou péssima cumpridora.
Mas to entrando em depressão, sentindo muitas dores (sei que o psicológico afeta muito nas dores) e preciso fazer algo.

*Não vou usar a cadeira de rodas a toa. Vou usar mais as muletas. Dane-se se vai doer joelho, pernas, costas... to fazendo fisioterapia e tenho morfina pra suportar isso.
*Vou controlar minha alimentação (não que esteja comendo besteiras, mas não to comendo os matinhos que preciso)
*Vou cuidar do meu sono, nem que pra isso tenha que apelar pras caixas de calmante que tão aqui entulhadas desde que sai do hospital.

Chega, não posso sozinha, se tiver que me entupir de remédios e sacrificar o resto de figado que me resta eu faço.

To cansada demais pra bancar a durona.

6 comentários:

  1. Oi... quase nunca entrei aqui e nao te conheço muito, só pensei que uma mensagem de longe poderia te fazer sentir um pouquinho menos sozinha. Beijo desde o Peru... :) Edelweiss

    ResponderExcluir
  2. Não, eu não imagino o quanto deve ser difícil, pois já me desesperei por bem menos. Excessos de trabalho, alguns quilos a mais, pessoas sem noção. Pouco né!

    Tbém venho pouco por aqui e quase nunca comento. Mas minha primeira reação, ao ler teu desabafo, foi desejar força. Então li teu texto até o final.

    Dói ser forte né?!
    Dói a incerteza do futuro.
    Dói a expectativa não atendida.
    Dói a incompreensão.

    Poderia dizer que também deve ser difícil para os teus próximos, mas acho que não deve ser mais difícil do que está sendo pra você.

    Acho que momentos de desespero servem para desabafar, aliviar um pouco o que está reprimido e sufoca. Mas também acho que servem como base para reconstrução.

    "Pronto, falei!"

    Agora é hora de seguir em frente, despir essa roupas e reerguer a muralha. E assim, com o pensamento leve e confiante de dias melhores, o corpo responderá positivamente.

    Desejo FORÇA!
    Desejo Fé!
    Desejo Paz!

    Abraço sincero,
    Keli
    keli_agro@yahoo.com.br

    ResponderExcluir
  3. Um abraço bem abraçado, com cabeça descansando no meu ombro. Tome o que precisar tomar, só você sabe o que está sentindo. Desabafe o quanto quiser. estaremos aqui para ouvir. Vi.

    ResponderExcluir
  4. Oi querida Manuzinha,bom dia!
    Desabafou...eu li e emocionei...
    Não esqueça que te amamos e estamos aqui para te escutar!
    Beijo e abraço.

    ResponderExcluir
  5. ENQUANTO HOUVER SOL (TITÃS),LETRA LINDA DAR UMA OLHADINHA
    SINTA-SE ABRAÇADA COM TODO MEU CARINHO BJS

    ResponderExcluir

E ai, o que você acha?